Viagens

Cesky Krumlov

6 de novembro de 2015
ces23

Dobrý den!

Continuando pela República Tcheca…nossa próxima parada foi na adorável Cesky Krumlov. :)

Esses dias, li uma matéria no Catraca Livre falando sobre 12 lugares de contos de fada que realmente existem – e este vilarejo era um deles! Só posso dizer que o autor dessa lista estava super certo. Construida margeando um rio, é daquelas cidades que você não vê o tempo passar. Dá vontade de observar tudo com super atenção, para não perder nenhum detalhe.

Para chegar lá, aparentemente, fizemos da maneira mais complicada: de trem! Desta forma, não existe viagem direta de Praga até Cesky Krumlov – normalmente, seria apenas uma troca de trens. Porém, o sistema ferroviário da República Tcheca não é lá dos mais perfeitos e naquele momento, interditaram um trecho do caminho. Portanto, foram 2 trens – um ônibus – um trem. Para uma distância de apenas 180 km. :/ Portanto, recomendo fortemente fazer todo o trajeto de carro, van ou ônibus; ou até yoga você vai estar praticando no meio da vagão para dar uma acalmada (true story!).

Ainda bem que depois desse mini-perrenguinho, iríamos dormir por lá. Muita gente costuma parar na cidade no caminho para alguma outra, ou mesmo fazendo um bate e volta da capital. Mas caso você tenha um tempo, aconselho passar a noite e ter um dia super agradável, sem pressa. Além disso, ao entardecer, boa parte dos turistas vão embora, e é quando dá para sentir o verdadeiro espírito do local – alguns casais caminhando, pessoas se reunindo para conversar, violão tocando em bares…é realmente uma cidade encantadora.

Como falei, não sou super fã da culinária tcheca, mas recomendo dois lugares – um é para quem é como eu e passa longe das carnes cheias de molho. Dou a dica de conhecer o vegetariano Laibon, onde a comida é bem gostosa e não muito cara. Além disso, seu ambiente é super interessante, bem rústico e ainda tem vista para o rio. E como falei no post sobre Praga: você não visitou esse país, se não comeu um Trdelnik. Então procure um bistrô que faz um super gostosinho – o MLS Bistros. Vários recheios são oferecidos, mas o de coco é ainda é o melhor!

Uma pena que peguei um dia chuvoso, e as fotos acabam não fazendo justiça a beleza de Cesky Krumlov. Mas dá para ter uma ideia e ainda assim se apaixonar por ela. Vem!

ces31 ces32 ces33 ces34 ces35 ces36 ces37 ces38 ces39 ces40 ces41 ces42 ces43 ces44 ces1 ces2 ces3 ces4 ces5 ces6 ces7 ces8 ces9 ces10 ces11 ces12 ces13 ces14 ces15 ces16 ces17 ces18 ces19 ces20 ces21 ces22 ces23 ces24 ces25 ces26 ces27 ces28 ces29 ces30

 

Talvez você também goste

8 Comentários

  • Responda Grazy Bernardino 8 de novembro de 2015 at 16:56

    Que lugar liiindo Natália! Meu sonho é viajar por aí. Enquanto isso vou dar mais uma viajada aqui nos seus posts! ♥♥

    • Responda Natália B. 11 de novembro de 2015 at 20:56

      Esse lugar realmente parece ter saído de um livro de conto de fadas. Pena que não peguei sol para ajudar nas fotos!
      E obrigadão pela visita, pode dar uma passeada por aí à vontade. rsrs! :)

  • Responda Náthaly Himmel 12 de novembro de 2015 at 11:16

    Fiquei apaixonada por essa cidade! Adorei as fotos e de verdade deu muita vontade de conhecer. Que sorte poder ter contato com todos esses lugares :) Um grande enorme abraço, Himmel <3

    • Responda Natália B. 20 de janeiro de 2016 at 15:22

      Náthaly! Eu sou muito agradecida mesmo por ter a chance de conhecer um lugar lindo assim. :)
      Se você tiver a oportunidade, vá para a República Tcheca; é demais mesmo.
      E obrigada pela visita!

  • Responda Bia Aguiar 12 de novembro de 2015 at 16:23

    Gente, que lugar lindo! Bah, que trip! Eu com fome e vi aqueles pães ali, deu vontade de comê-los hahaha, parece ser bom! E o povo? É bastante receptivo? Sou louca para pôr uma mochila nas costas e viajar! ♥
    Um beijão linda!

    • Responda Natália B. 20 de janeiro de 2016 at 15:20

      Bia, já começo a ler seus comentários com sotaque, acredita? rs!!
      Aquele pão não era de oooutro mundo, mas era gostoso. Sobre o povo, de maneira geral, são sim. Mas não são muitooo simpáticos; levei cada bronca por lá. rsrs!
      Beijooos

  • Responda Lari Reis 12 de novembro de 2015 at 20:47

    Acho a arquitetura a e paisagem tão bonitas que a chuva nem atrapalha!!

    • Responda Natália B. 20 de janeiro de 2016 at 15:19

      Ai Lari, também achei isso. rsrs!
      Quando estou viajando, nem ligo pra chuva…o importante é estar lá!

    Deixe seu comentário